Blog Carreira & Mercado

Novas vagas
Carreira, notícias,

Companhia De Estágios adere ao Pacto Pela Inclusão Social De Jovens Negras e Negros No Mercado De Trabalho

De acordo com o Atlas da Violência, publicado anualmente pelo Instituto de Pesquisa Econômica Avançada (Ipea), a violência contra a população negra está aumentando gradativamente. Em 2017, de 100% dos casos de homicídio que aconteceram no Brasil, 75,5% atingiram negras e negros. Ainda de acordo com a pesquisa, os mais afetados são jovens de 15 a 19 anos.

Até 2024, o Brasil, assim como diversos outros países, participa da Década Internacional de Afrodescendentes. A iniciativa da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) tem como principal objetivo promover respeito, proteção, e realização de todos os Direitos Humanos e liberdades fundamentais de negras e negros.

Apesar deste compromisso, o cenário nacional segue alarmante, como ilustrado acima. Quando falamos de mercado de trabalho, ainda há muito o que mudar. Segundo uma pesquisa realizada pelo Instituto Ethos, Organização da Sociedade Civil de interesse público cuja missão é mobilizar, sensibilizar e ajudar as empresas a gerir seus negócios de forma socialmente responsável, em 2018 negros e negras ocupavam apenas 6,3% dos cargos de gerência. Nas universidades, a situação é parecida – um estudo de autoria da Universidade Federal de Juiz de Fora revelou que nas universidades brasileiras apenas 34% dos alunos são negros.

De acordo com o Ministério Público do Trabalho (MPT), existem dois tipos de discriminação: a positiva e a negativa. A positiva favorece minorias que não são encontradas com facilidade nas universidades e empresas. As cotas raciais são um exemplo. A negativa, ao contrário, inferioriza este mesmo público.

Um dos pilares da Companhia de Estágios é a diversidade no Recrutamento e Seleção. Pensando em como fortalecer ainda mais este compromisso, na última semana a empresa aderiu ao Pacto Pela Inclusão Social De Jovens Negras E Negros No Mercado De Trabalho em parceria com o MPT, Organização Internacional do Trabalho e ONU Mulheres. De acordo com Tiago Mavichian, Diretor da empresa, ‘’a Companhia de Estágios aderiu à iniciativa para formalizar nosso interesse e respeito pelo tema. É a formalização do que já praticamos, com a soma de novas ações a partir de agora’’.

Um exemplo do compromisso com o tema foi o Programa de Estágio 2019 da Corteva, empresa que atua no ramo de agricultura. “Nós entregamos 6 de cada 10 finalistas atendendo aos critérios de diversidade da empresa, entre elas majoritariamente negros e mulheres”, ressalta.

Para a Companhia, a iniciativa é de extrema importância. “Prezamos pela inclusão de todos os perfis no mercado de trabalho. É essa vontade de ver jovens construindo suas carreiras que nos inspira a continuar trabalhando. A conquista deles é nossa também”, finalizou Mavichian.

Mais mais informações sobre o Pacto podem ser encontradas em: https://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/direitos_humanos/igualdade_racial/noticias/?p=259341

Sua carreira profissional começa em boa companhia.

Um único cadastro dá o direito para se aplicar a qualquer vaga e programas de experiência!