Blog Carreira & Mercado

Novas vagas
Artigos

5 dicas para fortalecer a marca empregadora

A grande missão dos recrutadores é encontrar os candidatos ideais para a empresa, mas para isso acontecer é necessário investir fortemente na marca empregadora, ou seja, trabalhar bem o employer branding.

Nós já fizemos um artigo aqui no blog da Companhia de Estágios sobre como atrair novos talentos com um bom employer branding.

Mas dessa vez, vamos dar 5 dicas de como fortalecer a marca empregadora da sua empresa. Acompanhe a leitura!

1.   Crie uma boa abordagem para as vagas que a empresa oferece

Para contratar as pessoas certas é necessário estar no lugar certo e fazer bom uso da comunicação. É importante mostrar aos candidatos um pouco da rotina da empresa, dar alguma prova social sobre como é trabalhar na companhia, e uma boa forma de fazer isso é mostrar depoimentos de pessoas que já foram contratados.

O uso de fotos, vídeos, cases também são bem-vindos. A página de carreira da empresa é o melhor lugar para isso, mas se a empresa ainda não tiver ou ter algum engessamento do que pode ser feito por diretrizes globais, o LinkedIn é uma boa alternativa, já que ele disponibiliza um espaço para as empresas mostrarem um pouco do dia a dia.

2.   Analise quais as melhores práticas da organização

Os benefícios já são algo que costumam chamar atenção das pessoas, mas como ir além deles? Oferecer mais flexibilidade, no dress code, home office, benefícios optativos. São inúmeras possibilidades que a empresa pode ofertar.

Mas o que combina com a cultura organizacional e o que o atrai o candidato ideal para a empresa? É necessário avaliar essas práticas e entender como elas podem impactar positivamente na marca empregadora. Na pesquisa feita pela Companhia de Estágios com RHs de quase 450 empresas em maio de 2020, o item que os RHs entendem ser mais importante para atrair candidatos é justamente a imagem da empresa no mercado – que se bem trabalhada, gera resultados que queremos: atrair as pessoas.

3.   Tenha consistência

Quando se fala em cultura organizacional é importante pensar na consistência que ela tem, uma vez que, cultura é sobre algo que é passado e vivido diariamente. Ou seja, é necessário por em prática o que a empresa realmente prega.

Cultura e identidade são dois pontos que andam juntos e que estão muito presentes na marca empregadora. Mas o que determina isso é como a empresa coloca isso em prática diariamente.

4.   Fique de olho na comunicação interna

Um colaborador satisfeito pode ser uma ótima propaganda, pois ele irá falar para as pessoas o quanto ele gosta da empresa. Mas para isso acontecer, é necessário que haja uma boa comunicação interna.

A companhia precisa ser transparente com os colaboradores, estar aberta ao diálogo e a uma comunicação sincera. Isso irá fazer total diferença na percepção que os profissionais podem ter sobre a marca empregadora e levar isso para fora do ambiente corporativo. A Crise do COVID 19 foi uma situação incrível para isso. Vários RHs conseguiram fazer trabalhos incríveis com uma comunicação clara, direta, rápida e que transmitiu segurança para os colaboradores no maior momento de incerteza dos últimos anos!

5.   Tenha líderes engajados  

Líderes que vestem a camisa da empresa são muito importantes para a marca empregadora. E quando se fala em engajar, não se trata apenas de motivar a equipe, mas, sim, na promoção da marca empregadora mantendo uma comunicação horizontal, uma postura que é aberta ao diálogo, críticas construtivas

Coloque essas dicas em prática juntamente com o seu time de RH e todos os colaboradores, que irá ter uma marca empregadora cada vez mais forte!

Continue acompanhando o blog da Companhia de Estágios!

Sua carreira profissional começa em boa companhia.

Um único cadastro dá o direito para se aplicar a qualquer vaga e programas de experiência!