Blog Carreira & Mercado

Novas vagas
Artigos

O que fazer quando o estagiário está rendendo pouco

Anteriormente escrevemos um artigo sobre o que fazer quando o estágio não atende as expectativas, agora vamos falar sobre o outro lado dessa moeda: quando o gestor não está tão contente com o trabalho do estagiário, ou seja, quando o universitário contratado não é bem o perfil que a empresa esperava.

Situação difícil, não? Imagina só ter todo o trabalho que um processo seletivo demanda para quando finalmente contratar o estagiário se deparar com um perfil totalmente diferente do esperado.

Pois é, isso pode acontecer.

Desta forma, listamos algumas maneiras possíveis de lidar ou até mesmo de evitar esse tipo de situação.

Tenha em mente que erros são comuns, mas ajude a corrigi-los

Estagiários cometem erros, assim como qualquer outro profissional. A única diferença é que eles estão no início da carreira, então esse momento é único para eles, pois eles têm a possibilidade de lidar no dia-a-dia com profissionais mais experientes.

É claro que cometer o mesmo erro sempre demonstra falta de atenção ou até mesmo insegurança, que são duas coisas que podem atrapalhar na rotina de trabalho.

Então, é valido ter uma conversa clara com o estagiário e mostra-lo como determinadas atitudes podem afetar a equipe e, consequentemente, resultados.

Alinhe expectativas

Isso é extremamente importante dentro do ambiente organizacional.

Alinhar as expectativas é deixar claro qual é o trabalho esperado pelo estagiário dentro da empresa, assim como também saber o que ele espera da vaga.

Esse alinhamento é algo que deve acontecer desde o primeiro contato com o candidato.

Da mesma forma como é necessário saber quais são as aptidões e habilidades dele, é também muito importante deixar claro quais funções serão desempenhadas por ele.

Trace metas

Com expectativas alinhadas fica mais fácil traçar algumas metas.

É importante ser flexível com o estagiário e não impor metas que são praticamente impossíveis de serem alcançadas.

Além disso, é necessário dar espaço para que o estagiário se sinta à vontade em apresentar outras possibilidades de como cumprir os objetivos determinados.

Acompanhe o desenvolvimento do estagiário 

Depois de objetivos alinhados e metas traçadas, o próximo passo é acompanhar o desenvolvimento do estudante universitário no trabalho.

E dar feedbacks também faz parte deste processo. Essa etapa é necessária para saber o quanto o estagiário evoluiu desde a primeira conversa e como será o futuro dele na organização.

Conte com uma empresa de recrutamento e seleção de estagiários

Essa é uma dica para não errar na contratação do estagiário!

Para uma contratação mais assertiva é importante contar com empresas que prestam este tipo de serviço.

São muitas vantagens ao aderir uma consultoria, pois a empresa terá o apoio de profissionais especialistas desde o momento de abertura da vaga até a assinatura do contrato do estagiário.

Além disso, elas conseguem filtrar melhor os candidatos e oferecem melhor experiência tanto para a empresa contratante quanto para o universitário.

E essa é a missão da Companhia de Estágios: ajudar na seleção do melhor candidato para as vagas de estágios e trainees.

Ficou curioso? Entre em contato conosco para saber como podemos ajudar a encontrar o estagiário ideal para sua empresa.

Sua carreira profissional começa em boa companhia.

Um único cadastro dá o direito para se aplicar a qualquer vaga e programas de experiência!