Blog Carreira & Mercado

Novas vagas
RH

Como funciona o RH Business Partner e como aplicar o modelo?

business partner profissional

O dinamismo do mercado trouxe para as empresas uma grande necessidade de adaptabilidade, e é neste contexto que surge o Business Partner. Esse profissional de Recursos Humanos possui o objetivo de adaptar processos estrategicamente.

Assim, a organização que possui esse líder conta com alguém capaz de lidar com os mais diversos setores, promovendo melhorias no que diz respeito aos colaboradores.

Quer entender melhor o papel do Business Partner na empresa, bem como as vantagens que ele promove? Abordaremos isso e muito mais neste artigo, siga conosco.

A Companhia de Estágios pode te ajudar a encontrar e recrutar os novos talentos do mercado, conheça-nos!

O conceito de Business Partner

Em uma tradução para o português, Business Partner significa “parceiro de negócios”, ou seja, um profissional que conecta os negócios e a gestão de pessoas nas organizações.

Atualmente, o BP ganhou ainda mais destaque com a imensa necessidade de mudança das empresas. Nesse sentido, o profissional atuará adaptando processos para obter resultados mediante ao desenvolvimento do RH.

Apesar de ser mais popular atualmente, essa especialidade compõe um conceito que surgiu na década de 80. Com ela, a empresa torna suas atividades mais estratégicas, além de possuir maior relacionamento entre seus setores.

Como é a atuação do Business Partner no RH?

No que diz respeito à atuação prática, o BP atuará em conjunto com os gestores e líderes da empresa. Isso porque, embora seja um profissional de RH, ele terá objetivos de cunho estratégico, portanto precisa estar alinhado aos líderes da organização.

Por isso, em relação aos profissionais tradicionais de Recursos Humanos, o Business Partner se difere. Enquanto os primeiros atuam com focos mais administrativos, o segundo será amplamente focado na estratégia de negócios.

Podemos exemplificar com a situação da pandemia pela qual passamos. Como diversos setores tiveram que se adaptar ao novo formato de trabalho, um profissional de BP teria a responsabilidade de reinventar as atividades.

Desta maneira, ele iria direcionar esforços para entender quais as melhores maneiras de se manter a produtividade mesmo em home office. Com a retomada ao trabalho presencial, esse profissional também poderia avaliar se um regime híbrido pode ser mais efetivo na prática.

Devemos lembrar também que o Business Partner também precisa ser altamente multidisciplinar, visto que ele deverá lidar com vários gestores e desenvolver uma comunicação que reflita seus intuitos estratégicos nas diferentes áreas organizacionais.

parceiro de negócios estratégico

Benefícios do BP nas empresas

Mas, afinal, quais seriam os benefícios de contar com um profissional de RH que também participa das áreas de negócios da empresa?

Em especial para os grandes negócios, essa parceria pode ser um fator-chave para o crescimento e melhor aproveitamento de colaboradores.

Assim, torna-se mais fácil adaptar a empresa às suas reais necessidades no mercado. Além disso, diversos outros benefícios podem ser explorados com este profissional, como:

Processos de RH com controle estratégico

O alinhamento da área de RH com a estratégica permite melhores tomadas de decisões em diversas atividades da gestão de pessoas. Isso porque se torna possível mensurar resultados e intervir em processos, melhorando-os.

O profissional de BP, por sua vez, possui um olhar amplo para a identificação e correção de possíveis gargalos. Dessa maneira, a organização economiza tempo e recursos antes que falhas ocorram, no que tange o setor de RH.

Recrutamento e seleção estratégico

As contratações, nos processos de recrutamento e seleção, também podem se tornar muito mais assertivas. Já que o BP possui contato com a liderança, ele identifica facilmente os perfis esperados pela organização, trabalhando também em retenção.

Consequentemente, os índices de turnover diminuem e a empresa adquire capital humano que faça sentido aos seus objetivos de mercado. Tudo isso, sem a necessidade direta de aumentar gastos com os processos seletivos.

Adaptabilidade

Com um profissional treinado para identificar e corrigir falhas nas atividades humanas, torna-se mais simples realizar mudanças. Consequentemente, o BP facilitará a interação entre os setores, promovendo melhorias gerais na organização.

Assim, a empresa estará muito mais preparada para mudar quando necessário, sem ocorrer atritos entre suas áreas. Por isso, interligar e acompanhar mudanças nesses setores é uma função importante deste profissional.

Como estruturar o modelo de Business Partner no RH?

Existem diversas maneiras de implementar o modelo de Business Partner em uma empresa. Pensando nisso, separamos duas formas estratégicas para adotar esse formato, sendo elas:

Parceiros de negócios autônomos

Contratar um profissional Business Partner autônomo é a primeira opção para implementar o modelo. Nesse caso, firma-se uma parceria com um consultor especializado que fica anexado à empresa.

Assim, o profissional fica encarregado de se comunicar com os líderes e garantir que as equipes estejam alinhadas aos objetivos do negócio. Desta maneira, a empresa apenas adquire uma parceria no setor, com um profissional autônomo.

Modelo de Tripartição (Three-legged model)

Outra alternativa para o modelo é utilizar a tripartição. Nela, existem 3 especializações para os profissionais de RH, de forma que é possível criar a área específica para profissionais BP, conforme abaixo:

  • Serviços compartilhados — profissionais que cuidam de tarefas administrativas, como folhas de pagamento, registro de faltas, etc.;
  • Centros de excelência — área encarregada do treinamento, inovações, recrutamento e seleção, etc. Trata-se de uma equipe especializada em RH;
  • Parceiros de negócios estratégicos — é composta pelos profissionais mais experientes e voltados para a interação com os líderes.

Assim, o setor de Recursos Humanos conta com todos os profissionais necessários e insere o modelo BP em seu funcionamento. A vantagem é que isso não envolve abdicar das demais funções já existentes na área de Recursos Humanos.

Conte com a Companhia de Estágios para auxiliar as funções de seu RH hoje mesmo!

interligação dos setores com business partner

Conclusão

A possibilidade de interligar os setores é muito atrativa para as empresas, em especial quando há a necessidade de inovar processos. Por isso, o profissional Business Partner possui o papel de interligar setores e otimizar atividades.

Com uma visão muito mais apurada acerca das equipes, essa função exige muita especialização e experiência por parte do BP. Desta maneira, ele é capaz de promover grandes aumentos de produtividade e transformar o rumo de uma empresa.

Leia também: