Blog Carreira & Mercado

Novas vagas
Candidato

Como desenvolver as habilidades profissionais mais requisitadas?

o que são competências e habilidades profissionais

Independentemente da sua área de atuação, existem habilidades profissionais que são muito requisitadas no mercado de trabalho e é importante desenvolvê-las para avançar nos processos seletivos.

Na verdade, essas habilidades não apenas te ajudarão a se destacar na entrevista, mas também são essenciais para o crescimento profissional.

Quando você entende quais são as aptidões que proporcionam maiores oportunidades e crescimento, mais preparado estará para iniciar sua carreira.

Neste artigo, vamos te explicar a importância das competências profissionais no ambiente de trabalho e quais você deve verdadeiramente desenvolver para ter um futuro promissor. Vamos juntos?

O que são habilidades profissionais?

As habilidades profissionais são competências e comportamentos essenciais para que as atividades sejam executadas da melhor forma possível em qualquer que seja a sua função.

Algumas vezes, elas são inatas, ou seja, nascem com o indivíduo. Mas, geralmente, são desenvolvidas e aprimoradas por meio do aprendizado e da prática, à medida que sua carreira se desenvolve.

Pense nelas como seu passaporte para o sucesso profissional. Afinal, as suas habilidades demonstram maturidade, preparo e dedicação ao trabalho, fatores que podem ajudá-lo a progredir ainda mais em sua profissão.

Qual o conceito de CHA (Conhecimento, Habilidade e Atitude)?

Você já ouviu falar do termo CHA? Esse é um acrônimo para Conhecimento, Habilidade e Atitude. Características que são consideradas o tripé das competências de um indivíduo, manifestadas na forma de pensar, sentir e agir.

Vamos entender melhor cada um dos elementos que o compõe:

Conhecimentos

O conhecimento é o que podemos chamar de saber, aquilo que se aprende na escola, na faculdade, nos livros, nas experiências de trabalho e também na vida.

Existe o saber tácito, formado a partir de experiências de vida e percepções, e o explícito, que é o aprendizado formal, repassado de maneira teórica e didática por uma pessoa ou instituição de ensino.

Habilidades

As habilidades profissionais ou soft skills, o foco do artigo, são ferramentas pessoais utilizadas para inserir o conhecimento adquirido em determinadas situações, como na resolução de problemas.

Não é um conhecimento ensinado, porque não existe um conceito estrito para seu uso bem-sucedido, mas pode ser desenvolvido e melhorado.

Atitudes

Já as atitudes são responsáveis por levar o indivíduo a decidir se irá ou não direcionar seus conhecimentos para resolver uma determinada situação com suas habilidades profissionais.

Portanto, as atitudes também precisam de foco para que os conhecimentos e habilidades entreguem resultados esperados.

Ou seja, para o desenvolvimento profissional, cada um dos elementos do CHA deve ser aperfeiçoado de forma consistente. Afinal, se você quer aprimorar suas habilidades, o conhecimento e a atitude também devem caminhar juntos!

desenvolver novas habilidades profissionais

Quais são as principais competências profissionais e como desenvolvê-las?

Como vimos, além de ter um conhecimento especializado em sua área, é importante dispor de habilidades profissionais que te ajudarão no desempenho das suas atividades e no modo como você se relaciona com os colegas de trabalho.

Essas aptidões são necessárias para todas as posições de uma empresa, dos aprendizes e estagiários até aos líderes, mesmo que não estejam incluídas em uma descrição de cargo.

Agora, descubra quais são as habilidades mais requisitadas no mercado de trabalho e aprenda a desenvolvê-las:

Comunicação

Todo profissional precisa saber se comunicar de maneira eficaz com seus líderes e colegas de trabalho. Inclusive, é essencial até mesmo para convencer o recrutador em uma entrevista de emprego.

Ter fortes habilidades de comunicação permite que você contribua para as discussões em grupo e produza ideias importantes capazes de ajudar a empresa como um todo.

Além disso, quanto melhor e mais claro você se comunicar, mais fácil será para os outros entenderem o que você está dizendo e fornecer a ajuda que precisa.

Quando você possui essa competência, desenvolve também a escuta ativa para entender completamente o que alguém diz.

Por exemplo, quando você está em uma reunião ou feedback, ouvir ativamente o garante compreensão dos pontos que foram discutidos e do que é esperado de você.

Como desenvolver habilidades de comunicação?

Seu objetivo é se acostumar a se comunicar com diferentes públicos e mudar seu estilo conforme necessidade.

Portanto, você precisará buscar oportunidades que exijam interação com outras pessoas. Por exemplo:

  • fazer voluntariado, pois além de ser uma experiência construtiva, possibilita o contato com diferentes tipos de pessoas;
  • gravar vídeos apresentando assuntos diversos, você nem precisa postá-los na internet;
  • participar de atividades extracurriculares na escola ou universidade, como grupos de teatro, clubes de debate, jornais ou rádio estudantis;
  • não fugir de seminários, mas aproveitar a oportunidade para se desenvolver;
  • participar de workshops e cursos de oratória;
  • assistir palestrantes confiantes, por exemplo vídeos de TED Talks, e observar as técnicas que eles usam.

Trabalho em equipe

O trabalho em equipe faz parte da maioria das empresas, pois permite que as demandas profissionais sejam compartilhadas entre os membros do grupo e torne a rotina mais produtiva.

Quando você tem essa habilidade, sabe ouvir diferentes ideias e deixa de lado o egoísmo, o que é essencial para que os objetivos sejam alcançados. A partir daí, também é possível promover um ambiente positivo e agradável para todos.

Ainda assim, conflitos podem acontecer em qualquer grupo devido à pluralidade de opiniões e personalidades, o que pode inviabilizar o progresso de um projeto.

Porém, ao conseguir desenvolver bem suas atividades em equipe, você conseguirá lidar melhor com resoluções de conflitos, antes que se tornem grandes problemas.

Como desenvolver a habilidade de trabalhar em equipe?

Você pode já saber trabalhar em equipe, sem nem mesmo perceber, sabia? Geralmente, formamos essa competência ao realizar trabalhos acadêmicos em grupo ou praticar esportes coletivos.

Se você ainda está inseguro quanto a sua capacidade de contribuir para um time, existem algumas técnicas para aprimorá-la:

  • participar de atividades em grupos, como esportes, teatro e coro;
  • melhorar sua comunicação para expressar bem suas ideias e saber escutar;
  • ser voluntário em instituições de caridade;
  • fazer estágio ou ser jovem aprendiz.

Liderança

Você está no começo da sua carreira e pode ainda nem estar pensando em assumir cargos de liderança, ainda assim essa é uma habilidade profissional importante para começar a desenvolver.

Isso porque muitas empresas já adotam modelos de trabalho em que grupos de profissionais, chamados de squads ou times, são criados para atender demandas.

Nem existem hierarquias definidas, apenas especialistas em suas funções. Porém, eventualmente, cada um deles precisará liderar o andamento das atividades.

Quando você sabe liderar, consegue ouvir, se comunicar, delegar tarefas e inspirar os colegas de trabalho.

Além disso, habilidades de liderança contribuem para você tomar decisões assertivas e demonstram que, independentemente da sua posição na empresa, as pessoas podem confiar em você.

Como desenvolver a liderança?

Assumir a responsabilidade por alguma atividade é a melhor maneira de aprender habilidades de liderança. Confira alguns exemplos:

  • ajudar um colega a resolver um problema;
  • participar de monitoria acadêmica na universidade;
  • fazer parte da comissão de formatura;
  • desenvolver atividades em grupo para trabalhar habilidades como empatia, respeito e ética.

como desenvolver soft skills

Resiliência

A resiliência te prepara para lidar com as mudanças repentinas na rotina da empresa e desafios do mercado de trabalho.

Quando você lida bem com mudanças, consegue enfrentar melhor as dificuldades e traçar rapidamente novas estratégias para se adequar às necessidades atuais e alcançar suas metas.

Ser resiliente contribui para que você mantenha a calma diante de situações estressantes, como também demonstra disposição para lidar com problemas emergentes.

Como desenvolver resiliência?

Essa é uma habilidade um pouco mais difícil de desenvolver, já que exige uma mudança na sua forma de lidar com adversidades. Para começar, você pode:

  • ter atitudes mais positivas e otimistas;
  • solicitar feedbacks e saber recebê-los de forma construtiva;
  • encontrar formas de lidar com o estresse, como prática de hobbies ou atividades físicas, meditação ou escrever um diário;
  • desenvolver a capacidade de solucionar problemas.

Intraempreendedorismo

As empresas estão procurando por colaboradores que realmente façam a diferença! Por essa razão, essa é uma das habilidades profissionais que será cada vez mais requisitada nos próximos anos.

Pessoas com essa aptidão são capazes de criar, buscar oportunidades e colocar novas ideias e estratégias em prática, o que contribui para o sucesso profissional e também da empresa.

Como desenvolver o intraempreendedorismo?

Um profissional com perfil de intraempreendedor possui atitudes com visão de futuro que dão início a mudanças na empresa. Para desenvolver essa característica, aposte em:

  • praticar a criatividade e a inovação. Diferente do muitos imaginam, essas qualidades podem ser aprendidas e aperfeiçoadas;
  • buscar solucionar problemas com inovação;
  • acompanhar tendências do mercado em que você atua;
  • ficar atento às oportunidades. Por exemplo, o que está acontecendo no mundo em âmbito financeiro, político, social, etc. e como isso pode ser uma oportunidade para a sua empresa;
  • saber vender ideias e não ter medo de expor sua opinião.

O que colocar no currículo em habilidades?

Após descobrir quais são as habilidades profissionais mais relevantes para o mercado, é hora de saber como aproveitá-las para melhorar seu currículo.

Principalmente para se candidatar ao primeiro emprego, aproveitar o espaço para listar as competências é uma ótima estratégia.

Afinal, no início da carreira, não há experiências profissionais para adicionar, mas não quer dizer que você não esteja apto para determinada vaga.

Então, em vez de criar um campo para descrever experiências profissionais, você pode substituí-lo por aptidões e habilidades que comprovem a existência da aptidão alegada.

Agora, confira as principais dicas para listar suas habilidades profissionais no currículo:

  • use o formato de tópico para listar suas habilidades;
  • associe as habilidades com experiências para comprovar como as desenvolveu. Por exemplo, “trabalho em equipe e liderança, experiência à frente de equipes de trabalhos voluntários na instituição X”;
  • evite informações principais clichés e mentiras;
  • procure um diferencial, ou seja, as habilidades que não sejam comuns aos demais candidatos, mas que fará toda a diferença para a vaga.

Além disso, lembre-se que o currículo deve ser um resumo das suas experiências e habilidades para determinar se você é o candidato certo para aquela oportunidade de emprego.

Portanto, liste apenas habilidades que são realmente relevantes para a vaga em questão. Para isso, analise a descrição da vaga. Lá estarão as necessidades da empresa e até mesmo as competências exigidas para o cargo.

“>Dúvidas de como preencher melhor o seu currículo? Confira este guia completo!

Saiba como adquirir as habilidades profissionais do futuro!

Como vimos, existem diferentes formas de adquirir as competências essenciais para o profissional do futuro e se destacar no mercado de trabalho.

Praticar esportes coletivos, fazer monitoria na universidade ou até aulas de teatro são algumas dessas estratégias.

Contudo, uma das melhores maneiras de aprimorar suas habilidades profissionais é por meio de uma vaga de jovem aprendiz ou programa de estágio.

Esse tipo de experiência proporciona a aquisição de conhecimentos e atitudes relacionadas com a profissão escolhida, além de ajudar a desenvolver habilidades como comunicação, trabalho em equipe e resiliência.

Lembra quando falamos sobre o CHA (conhecimento, habilidades e atitudes) e a importância de trabalhar para aprimorar esse tripé de forma simultânea?

Em um estágio, é possível desenvolver esses três elementos. Afinal, você irá trocar experiências com outros colaboradores de uma empresa, além de vivenciar um intercâmbio de novas ideias, conceitos, planos e estratégias.

É uma experiência enriquecedora e de muito aprendizado. Você aprenderá a importância das relações de trabalho, da ética e empatia, saberá como lidar com momentos de pressão e responsabilidade e ainda melhorará o seu currículo.

Então, se você quer potencializar o seu desempenho profissional, vale a pena buscar oportunidades para iniciar sua carreira.

Quer ter acesso às melhores vagas de aprendiz, estágio e trainee? Cadastre-se seu currículo na Companhia de Estágios gratuitamente!

Conclusão

Agora você já sabe quais são as habilidades profissionais mais requisitadas no mercado de trabalho e como desenvolver cada uma delas.

Então, é só colocar as dicas em prática para que você consiga destacar seu currículo dos demais concorrentes e esteja cada vez mais preparado para iniciar uma trajetória profissional de sucesso.

Lembre-se que são essas aptidões que te ajudarão a realizar suas atividades profissionais da melhor forma possível, independentemente da sua área de atuação.