Blog Carreira & Mercado

Novas vagas
RH

Recrutamento Inteligente: do conceito à prática no RH

 

equipes e recrutamento inteligente

A forma de contratar bons profissionais se modificou profundamente nos últimos anos, justamente pela tecnologia e pelo novo comportamento dos candidatos.

Para se adequar às mudanças, o recrutamento inteligente surge como um ótimo meio de recrutar os profissionais mais alinhados com as vagas.

Outra vantagem dessa ferramenta é a agilidade nos processos seletivos. Trata-se da chave para contratar bons colaboradores, já que, segundo o Talentlyft, os profissionais mais ficam livres no mercado por volta de 10 dias.

Assim, como os processos podem ser agilizados com essa ferramenta? Além disso, quais os impactos do recrutamento inteligente na experiência do candidato? Confira essas e outras informações a seguir!

 

 

O que é um recrutamento inteligente?

Recrutamento inteligente nada mais é a estratégia de atração, seleção e, posteriormente, retenção de bons profissionais do mercado. O grande diferencial, na verdade, é a utilização de tecnologias para facilitar todo esse processo.

A inteligência artificial no RH, por exemplo, já é uma grande aliada para que todos os candidatos sejam avaliados e selecionados o melhor possível. Tudo isso, sem demandar tempo dos profissionais nas tarefas mais repetitivas.

Vale ressaltar também que o uso de dados é extremamente valioso. A partir de informações coletadas, vai se tornando cada vez mais simples identificar os perfis que mais condizem com as necessidades da organização.

Por isso, além de agilizar o processo, o recrutamento inteligente permite ao setor de Recursos Humanos maior precisão e aproveitamento dos colaboradores.  Assim, sem precisar analisar manualmente os perfis, é possível extrair insights que ampliem cada vez mais a qualidade dos processos de seleção.

Por que deve ser uma prioridade dos gestores de RH?

interligação dos setores com business partner

É normal que, ao longo da divulgação de vagas as equipes recebam uma imensa quantidade de currículos para avaliar. Tradicionalmente, eles seriam organizados em sistemas básicos que muitas vezes não possibilitariam o retorno adequado a cada um dos candidatos.

Além disso, a chance de que diversos profissionais qualificados nem sequer sejam avaliados se torna muito grande. Ao adquirir ferramentas adequadas, por outro lado, é possível garantir que os perfis mais relevantes sejam avaliados, e que os candidatos tenham um retorno adequado do setor de RH.

Todas as etapas dos processos, portanto, são simplificadas com uma gama de ferramentas tecnológicas que melhorem cada atividade. O intuito é aliar automatizações ao processo de maneira estratégica.

Por isso, o recrutamento inteligente envolve diversas ferramentas e tecnologias, e não somente uma funcionalidade isolada. Como consequência, o setor ganha mais tempo e pode desenvolver táticas de diminuição do turnover, por exemplo.

Recrutamento inteligente: 3 áreas para investir

Mas, afinal, por onde começar ao adotar uma estratégia de recrutamento inteligente? Acompanhe abaixo 3 áreas que separamos para servir como ponto de partida nesse processo:

1. Employer Branding

O Employer branding pode ser definido como uma estratégia que trabalha a imagem da empresa empregadora. Sendo assim, consiste em desenvolver uma identidade atrativa aos novos colaboradores que podem contribuir com a organização.

Não importa o quão seja desenvolvido o processo de seleção: os melhores profissionais apenas escolherão empresas atrativas para trabalhar. Por este motivo, trabalhar o employer branding faz toda a diferença no recrutamento de talentos.

2. Marketing de recrutamento

O processo de employer branding também pode ser fortalecido com o marketing de recrutamento. As duas estratégias podem caminhar lado a lado, já que o marketing envolve a divulgação das vagas e alcance de candidatos.

Assim como uma organização desenvolve métodos para atingir o cliente, isso pode ser aplicado para encontrar os novos colaboradores. Sendo assim, surgiram até mesmo conceitos como o de “inbound recruiting”, com o intuito de promover uma boa jornada do candidato até a contratação.

Tudo isso contribui não só para uma maior satisfação nos processos seletivos, como também para uma gestão mais estratégica das etapas de recrutamento.

3. Análise e triagem de currículos

Atualmente existem ferramentas capazes de realizar automaticamente os processos de triagem de currículos, de modo a selecionar somente os mais adequados para a revisão dos profissionais.

Sendo assim, incorporar sistemas de análise e triagem de currículos pode ser um fator-chave no recrutamento, principalmente pelo ganho de tempo. Outra vantagem é a possibilidade de examinar perfis psicológicos e as soft skills dos colaboradores para garantir um alinhamento com o fit cultural da empresa.

recrutamento inteligente no rh

A importância da tecnologia no processo de recrutamento

Como vimos, a tecnologia possui um papel muito importante no processo de recrutamento, de forma a agilizar o processo e ainda promover uma melhor escolha de profissionais.

Para a contratação de todos os tipos de colaboradores, é muito importante adotar as ferramentas que desempenham atividades importantes na seleção. Sendo assim, torna-se mais simples desenvolver e reter colaboradores.

Saiba como a Companhia de Estágios aplica IA nos processos de R&S

Para aumentar a eficácia e precisão nos processos seletivos, a Companhia de Estágios utiliza ferramentas com inteligência artificial e capazes de potencializar os resultados das contratações.

Com um sistema capaz de avaliar as habilidades, experiências e até mesmo o perfil comportamental do candidato, as chances de que ele não se adeque à organização são menores.

Por isso a tecnologia no recrutamento e seleção é tão buscada pelas empresas. Ao contratar profissionais com mais segurança, torna-se muito mais simples desenvolvê-los e formar as competências necessárias à cultura da organização.

A Companhia de Estágios oferece consultoria para as contratações, utilizando tecnologias para torná-las mais precisas. Conheça-nos!

inteligência artificial e rh

Conclusão

Embora demande muito tempo dos colaboradores, o processo de seleção pode ser simplificado e oferecer muito mais precisão na escolha de perfis. Com o recrutamento inteligente, torna-se possível conhecer muito mais os candidatos às vagas, além de selecioná-los de forma assertiva.

Vale, ainda, trabalhar um employer branding e marketing de recrutamento constantemente. Isso não só melhora a visão do mercado sobre a marca, como também potencializa as chances de atração dos melhores profissionais.

Conte com a Companhia de Estágios para a implementação do recrutamento inteligente e suas ferramentas tecnológicas. Dessa maneira, é possível contratar os melhores talentos do mercado de forma completamente inovadora e efetiva.

Novas vagas